10 atitudes negativas quando chega um boletim vermelho

Postado em 20/06/2019

10 atitudes negativas quando chega um boletim vermelho

1. Reagir com agressão física ou verbal é o erro mais grave. Em vez de estimular a criança a estudar, você acaba deixando-a com medo ou raiva.

2. Comparar o desempenho da criança com os colegas dela ou com seu desempenho escolar de anos atrás. "É importante que o filho sinta que os pais têm confiança nele, mesmo nos momentos de crise. Isso pode ser motivador para reverter a situação", indica Marta Campos, da Escola Viva.

3. Usar termos que diminuam a criança ou que mostrem que ela é incapaz de reverter a situação. "Dizer 'eu avisei' também não é indicado, assim como ter sermões prontos. É importante agir com a razão e não com a emoção", diz Edson D'Addil, orientador educacional do Colégio Vértice, em São Paulo.

4. Negociar com a criança, oferecendo benefícios materiais, caso ela melhore suas notas. Pior ainda é prometer coisas que ela sabe que você não conseguirá cumprir.

5. Exigir além da possibilidade de rendimento da criança para a idade dela.

6. Desautorizar a escola e falar mal dos professores para a criança.

7. Aceitar justificativas que retirem a responsabilidade dela sobre o resultado.

8. Fazer drama ou chantagem emocional com a criança.

9. Não impor uma rotina de estudos para a criança ou não cobrá-la para cumprir essa rotina.

10. Apenas colocar a criança de castigo, sem nem ouvir o que ela tem para falar.

 

 

Outras Notícias

 

3 dicas para não esquecer o conteúdo na hora da prova
Postado em 10/10/2019

O famoso branco pode acontecer com qualquer pessoa. Esquecer um conteúdo que você passou meses estudando é comum, mas se isso acontece com frequência suas notas acabam sendo prejudicadas. Contudo, é possível evitar esse imprevis...
leia mais »

Pais que leem para os filhos ajudam no aprendizado, diz pesquisa
Postado em 03/10/2019

A pesquisa aponta também o aumento do vocabulário e queda do mau comportamento

 

Pesquisa feita pela Universidade de Nova York, em parceria com o instituto Alfa e Beto e o IDados, aponta que o hábito dos pais lerem par aos filhos traz inúmeros ...
leia mais »

4 passos para um diálogo efetivo com os filhos
Postado em 26/09/2019

O que seus avós desejavam para os filhos há 50 anos? Esta foi a pergunta que o psicólogo e psicanalista Luiz Alberto Conti levantou para uma plateia de pais e mães aqui na Editora Abril, em São Paulo. As mais diversas respostas surgiram: que os filhos casassem, ...
leia mais »